El efecto de las acciones afirmativas en la permanencia de los estudiantes de una universidad federal brasileña

Análisis desde la perspectiva de la teoría de la justicia

Resumen

El estudio tiene como objetivo identificar las Acciones Afirmativas (AA) que se promueven entre los estudiantes de los programas de negocios de una universidad federal brasileña y analizar si, en la opinión de los estudiantes, estas cumplen con los supuestos fundamentales de la teoría de la justicia de John Rawls. En la encuesta documental de AA, se examina la vivienda de los estudiantes, la ayuda financiera para dependientes, la alimentación, el transporte, la permanencia y el apoyo pedagógico. Sesenta y dos encuestados participaron en la encuesta. Los resultados muestran que los factores personales, en especial los de naturaleza psicológica, afectan de manera negativa la permanencia y el desempeño de los estudiantes universitarios. Teniendo en cuenta la percepción de los estudiantes de los principios de igual libertad e igualdad de oportunidades, se entiende que las AA de la universidad reflejan los supuestos de la teoría de la justicia.

Biografía del autor/a

Lusia Ribeiro Ferreira, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Mestra em Contabilidade pelo Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da Universidade Federal do Rio Grande - FURG.

Anderson Betti Frare, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutorando em Contabilidade pelo Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC.

Débora Gomes de Gomes, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Doutora em Ciências Contábeis e Administração pela Universidade Regional de Blumenau - FURB.

Flávia Regina Czarneski, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Márcia Bianchi, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Doutora em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor/a

Lusia Ribeiro Ferreira, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Mestra em Contabilidade pelo Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da Universidade Federal do Rio Grande - FURG.

Anderson Betti Frare, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutorando em Contabilidade pelo Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC.

Débora Gomes de Gomes, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Doutora em Ciências Contábeis e Administração pela Universidade Regional de Blumenau - FURB.

Flávia Regina Czarneski, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Márcia Bianchi, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professora na Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Doutora em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS.

Referencias Bibliográficas

Academic System Home Page (2018). Coordinator access. Retrieved from https://sistemas.furg.br/aplicacoes/frame/index.php?_sfoid=1592267567945

Barbosa, E. D. (2017). Ações afirmativas na Universidade Federal de Viçosa: uma análise das condições de permanência. (Master’s thesis, Universidade Federal de Viçosa). Retrieved from http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/11637

Bardin, L. (2016). Análise de conteúdo. São Paulo, Brazil: Edições 70.

Barros, C. F. R. (2009). Ensino superior, desigualdades e democratização: um estudo sobre a inserção dos estudantes ingressantes por reserva de vagas na Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Master’s thesis, Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Retrieved from https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/24506/24506.PDF

Bomtempo, V. L. (2010). Justiça como equidade: uma concepção política da justiça. Revista Eletrônica do Curso de Direito – puc, (2), 100–116. Retrieved from http://periodicos.pucminas.br/index.php/DireitoSerro/article/view/1321/1851

Brazil (1988). Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm

Brazil (2002, May 13). Decreto nº 4.228 - Programa Nacional de Ações Afirmativas. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2002/d4228.htm.

Brazil (2007, Apr 24). Decreto nº 6.096 - Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – reuni. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/decreto/d6096.htm

Brazil (2010, Jul 19). Decreto nº 7.234 – Dispõe sobre o Programa Nacional de Assistência Estudantil - pnaes. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_to2007-2010/2010/decreto/d7234.htm

Brazil (2012, Aug 29). Lei n. 12.711 - Ingresso nas Universidades Federais e nas Instituições Federais de Ensino Técnico de Nível Médio. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12711.htm

Brazil (2013, May 9). Portaria do Ministério da Educação, nº389 - Programa de Bolsa Permanência – pbp. Retrieved from http://portal.mec.gov.br/docman /programase-acoes/programa-bolsa-permanencia/68911-portaria-389-09052013/file

Campos, L. C., Machado, R. B., Miranda, G. J., & Costa, P. S. (2017). Social quotas, affirmative actions, and dropout in the Business field: Empirical analysis in a Brazilian federal university. Revista Contabilidade & Finanças, 28(73), 27–42. http://dx.doi.org/10.1590/1808-057x201702590

Carvalho, V. G. (2012). A ideia de justiça e a política de cotas raciais no Brasil: dilemas e perspectivas segundo o pensamento de John Rawls. Revista digital Dom Total. Retrieved from http://domtotal.com/direito/uploads/pdf/6ce6c5de6d2af40b289ed14818e7aeb6.pdf

Cléve, C. M. (2016). Ações Afirmativas, justiça e igualdade. Revista digital de Direito Administrativo, 3(3), 542–557. https://doi.org/10.11606/issn.2319-0558.v3i3p542-557

Dias, M. T., & Bax, M. P. (2016). Lei das Cotas: Uma avaliação das inscrições no Instituto Federal de Minas Gerais utilizando kdd. Revista Eletrônica de Sistemas de Informação, 15(1), 1–19. https://doi.org/10.21529/RESI.2016.1501002

Espíndola, C. M. (2014). Análise da contribuição do programa de Ações Afirmativas para a democratização do acesso, permanência e conclusão de estudantes de escolas públicas e negros nos cursos de graduação da Universidade Federal de Santa Catarina. (Master’s thesis, Universidade Federal de Santa Catarina). Retrieved from https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/132955

Filipak, S. T., & Pacheco, E. F. H. (2017). A democratização do acesso à educação superior no Brasil. Revista Diálogo Educacional, 17(54), 1241–1268. http://dx.doi.org/10.7213/1981-416X.17.054.DS09

Fonaprace – Fórum Nacional de Pró-Reitores de Assuntos Comunitários e Estudantis (2011). Perfil Socioeconômico e Cultural dos Estudantes de Graduação das Universidades Federais Brasileiras. Retrieved from http://www.andifes.org.br/wp-content/files_flutter/1377182836Relatorio_do_perfi_dos_estudantes_nas_universidades_federais.pdf

Gisi, M. L., & Pegorini, D. G. (2016). As políticas de acesso e permanência na educação superior: a busca da igualdade de resultados. Revista on line de Política e Gestão Educacional, 20(1), 21–37. https://doi.org/10.22633/rpge.v20.n1.2016.9390

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (ibge) (2017). ibge divulga as estimativas populacionais dos municípios para 2017. Retrieved from https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/16131-ibge-divulga-as-estimativas-populacionais-dos-municipios-para-2017

Iosif, R. M. G. (2007). A qualidade da educação na escola pública e o comprometimento da cidadania global emancipada: implicações para a situação da pobreza e desigualdade no Brasil. (Doctoral dissertation, Universidade de Brasília). Retrieved from

http://repositorio.unb.br/handle/10482/2560

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (inep) (2009, May 28). Portaria n. 109 – Estabelece a sistemática para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio no exercício de 2009. Retrieved from https://www.legisweb.com.br/legislacao/?id=214657

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (inep) (2017). Censo da Educação Superior. Retrieved from http://portal.inep.gov.br/censo-da-educacao-superior

Lima, M. R. F. (2014). Políticas públicas no ensino superior: Ações Afirmativas na ufpb. (Master’s thesis, Universidade Federal da Paraíba). Retrieved from https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/7773

Maciel, C. E., Lima, E. G. S., & Gimenez, F. V. (2016). Políticas e permanência para estudantes na educação superior. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, 32(3), 759–781. https://doi.org/10.21573/vol32n32016.68574

Miranda, G. J., Casa Nova, S. P. C., Leal, E. A., Miranda, A. B., Oliveira, A. S., & Ferreira, M. A. (2018). Revolucionando o desempenho acadêmico: o desafio de Isa. São Paulo, Brazil: Atlas.

Pinheiro, R. G. (2013). A Teoria da Justiça de John Rawls e a constitucionalidade das Ações Afirmativas no Brasil. Revista cej, 7(59), 100–108. Retrieved from http://www.jf.jus.br/ojs2/index.php/revcej/article/view-File/1684/1708

Rawls, J. (2000). Uma teoria da justiça. São Paulo, Brazil: Martins Fontes.

Santos, D. B. R. S. (2009). Para além das Cotas: A permanência de estudantes negros no ensino superior como política de ação afirmativa. (Doctoral dissertation, Universidade Federal da Bahia). Retrieved from https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ri/11778/1/Tese%20%20Dyane%20Santos.pdf

Silva, G. H. G. (2019). Ações afirmativas no ensino superior brasileiro: caminhos para a permanência e o progresso acadêmico de estudantes da área das ciências exatas. Educação em Revista, 35, 1–29. http://dx.doi.org/10.1590/0102-4698170841

Trindade, U. (2015). Programa social federal de transferência de renda bolsa família e o consumo no brasil: a presença da teoria de justiça de John Rawls. Revista Intuitio, 8(1), 198–217. http://dx.doi.org/10.15448/1983-4012.2014.1.18527

Valle, I. R. (2013). (In)Justiça escolar: estaria em xeque a concepção clássica de democratização da educação? Educação e Pesquisa, 39(3), 659–671. https://doi.org/10.1590/S1517-97022013005000015

Voos, J. B. A. (2016). Políticas de permanência de estudantes na educação superior : em exame as universidades comunitárias catarinenses. (Doctoral dissertation, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Retrieved from http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/6712

Cómo citar
Ferreira, L. R., Frare, A. B., Gomes, D. G. de, Czarneski, F. R., & Bianchi, M. (2020). El efecto de las acciones afirmativas en la permanencia de los estudiantes de una universidad federal brasileña : Análisis desde la perspectiva de la teoría de la justicia. Revista Facultad De Ciencias Económicas, 28(1), 123-143. https://doi.org/10.18359/rfce.4669
Publicado
2020-06-30
Sección
Artículos